Você e eu


Você me apresenta bandas que eu não conheço, me diz que eu vou gostar e – droga! – eu sempre acabo gostando. Você, bem aqui atrás de mim, lava suas calças e eu, bem na sua frente, continuo aqui, quietinha, escrevendo pra você. Você cozinha coisas gostosas, capricha nos temperos e sempre me faz comer demais e eu, como não sei cozinhar, continuo amando desfrutar da sua companhia e do nosso vinho branco no jantar.

Você me cativa, me carinha e me faz sentir a melhor pessoa do mundo e eu, ah, eu me sinto completa e feliz pelo fato de te ter deitado do meu lado, embaixo do edredom nos dias de frio. Você diz que eu falo sozinha durante a noite e eu falo, mas não tenho medo porque nada do que eu pense é invisível à você. Você coloca um filme pra gente dormir, na primeira cena eu durmo e você continua me amando mesmo assim.

Você cuida pra não encostar do lado do maldito ciso que tá nascendo e eu reclamo de dor mesmo assim. Você atura minhas manhas e eu, eu continuo a fazê-las. Você vai ao cinema comigo, me lembra da hora do remédio e insite para que eu me cuide e eu, ah, eu confio tanto em você que eu sei que você vai se cuidar.

Você me faz feliz e eu.. eu não sinto a mínima vontade de deixar você sair do meu lado.

Outros textos

6 Replies to “Você e eu”

  1. Hum, tb adoro ser mimada. rs. No momento minha vida tá tão confusa que nem ando pensando nessas coisas, mas hoje vc me fez lembrar (ainda não decidi se isso é bom ou ruim… rs).
    Apenas continue feliz. Beijos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *